Ação da polícia livra vereador da morte

A precisão na atuação do Serviço de Inteligência do 35º BPM (Itaboraí), garantiu, na manhã desta terça-feira (16), a sobrevivência do vereador da cidade, Rogério Filgueiras (policial da reserva) e também de um comerciante da região, identificado apenas como João. Graças à rapidez e eficiência dos agentes, a quadrilha, que seguia para executar as vítimas, foi interceptada e presa no trajeto. Foram presos e autuados em flagrante: Diorge Sabino dos Santos, de 40 anos, o Sabino de Visconde, apontado como líder do tráfico em Visconde de Itaboraí, Júlio César Pinheiro Neves, de 38 anos, o Playboy, líder do tráfico no bairro Nova Cidade (Itaboraí), Ângelo Pereira Chavão, de 28 anos, e Fares Abdala Nascena Sarafone, de 35 anos.

O comando do 35º BPM informou que na segunda-feira o Serviço de Inteligência havia recebido um informe anônimo de que traficantes dos bairros Nova Cidade, Visconde e Reta Velha teriam se reunido e após receberem ordens do líder da venda de drogas na região, conhecido como Ricardo Paiol (que já estava preso), partiriam (ontem) para executar o vereador e o comerciante. A alegação para a ordem de execução seria porque as vítimas estariam supostamente dando apoio à polícia. Depois do informe, os agentes passaram a monitorar os criminosos.

Logo pela manhã o Serviço de Inteligência, com reforço de militares de duas patamos, desencadearam uma operação nas imediações da Rodovia Niterói-Manilha (BR-101), com objetivo de interceptar o veículo usado pelos criminosos, modelo Renault Clio, de cor prata. No trajeto, os bandidos fortemente armados, foram surpreendidos pelas guarnições e presos, na Estrada do Pacheco esquina com Estrada de Perobas. Com os acusados foram apreendidos duas pistolas, munições de vários calibres, grande quantidade de entorpecentes (quase cinco quilos de cocaína), material para endolação, coldres e porta carregadores, balança de precisão e caderno de anotações do tráfico.

Durante o trabalho de monitoramento, os agentes identificaram diversas mensagens nos aparelhos celulares apreendidos com os bandidos, com instruções do traficante Ricardo Paiol, que transmitiu ordens para que o vereador e outros comerciantes fossem atacados. Dois dos quatro acusados foram presos pelo fato de estarem guardando o material apreendido. Todos os envolvidos foram conduzidos e autuados na 71ª DP (Itaboraí) e foi constatado ainda que o criminoso conhecido como Sabino é apontado por envolvimento em várias ocorrências de homicídios registrados no município, já tando inclusive Mandados de Prisão expedidos pela Justiça.

Fonte:Site A tribuna

Comments

comments

Você também pode gostar...